Peso para livro aberto - (10 x 1 x 3 cm)

Peso para livro aberto - (10 x 1 x 3 cm),

Sérgio Taborda

Biografia

Nasceu em 1958, Vila nova de Poiares (Coimbra)
Vive e trabalha em Lisboa e Berlim.
Após ter concluído o curso de Escultura do AR.CO e frequentado o curso de Cinema do Conservatório de Lisboa, licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa. Mestrado em Ciências da Comunicação no Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Nova de Lisboa com a tese; ’ Percepção e presença. O corpo na escultura, cinema e bio-tecnologias’.
Conclui a tese de doutoramento intitulada Acontecimento e tempo.Sobre o trabalho da percepção em práticas da instalação e do cinema no Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Nova de Lisboa.
Lecionou escultura e desenho no Ar.Co (Lisboa).
Leccionou Projecto, Desenho e Seminário de Mestrado na ESAD-CR (Caldas da Rainha).
Actualmente é artista/investigador residente no Arsenal-Institut for film and Video-Art em Berlim onde vive e trabalha no âmbito de uma bolsa de investigação individual pós-doutoramento da FCT-Fundação para a Ciência e Tecnologia (2010-2013).
A partir das investigações realizadas nos arquivos internacionais de filme e video onde têm estado em residencia concebeu ciclos de filmes e videos experimentais de artistas que usam o filme apresentados no CAM – Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian e na Cinemateca Portuguesa (2012).
Expõe individualmente desde 1985, concentrando-se a partir de 1992 em instalações para espaços específicos conjuntamente com o músico/compositor Luis Bragança Gil. Deste trabalho a dois resultaram em 1997 e 1998 as instalações audio e video,
’imersão’ e ’ travelling’.
A partir de 2002 tem apresentado individualmente trabalhos em vídeo que incorporam um tempo e uma duração irreversível de um acontecimento, projectados em salas de cinema – ’imagem tempo’,’a cabina do panoramista, ’Scanning’e’pano e nuvem’.
Novos trabalhos em video realizados no periodo de bolsa individual de investigação da FCT foram apresentados na Cinemateca Portuguesa em Janeiro 2012.